Youtube
Instagram
Facebook
Menu
Fechar
8 hábitos diários que estão arruinando sua pele

Todo mundo têm seus vícios, alguns inofensivos e outros que, a longo prazo, podem acabar impactando na nossa saúde e aparência. Mas não estamos aqui para julgar, muito pelo contrário – também temos nossas manias e por isso fomos atrás das melhores soluções para minimizar os efeitos desses pequenos vícios na nossa pele.

Alguns são óbvios, como comer besteira e beber demais, já que o primeiro pode causar crises acnéicas e o segundo muito inchaço e vermelhidão, mas outros podem passar despercebidos em nossa rotina. Por isso consultamos dois dermatologistas, o Dr. Damiê De Villa dermatologista do Kurotel – Centro Médico de Longevidade & Spa de Gramado, no Rio Grande do Sul e o Dr. Alberto Cordeiro, dermatologista especialista em cosmiatria, laser e tricologia da Horaios Estética, para tirar algumas dúvidas e contar quais os piores hábitos para a saúde da nossa pele! Vem por aqui:

A limpeza de pele é importante porque a cada 28 dias nossa pele se renova completamente. Sendo assim, a indicação é que ela seja feita uma vez por mês, para a retirada de impureza e cravos. A esfoliação também contribui nesse processo para retirada de queratina, a mais superficial da pele, para que a superfície fique receptiva aos produtos home care (aqueles usados em casa), proporcionando maior absorção dos ingredientes ativos. A limpeza de pele é o passo 1 para quem quer ter uma pele bonita e saudável.

2- Não usar filtro solar

Ele é o produto mais importante para a rotina de skincare, já que é cientificamente comprovado que o filtro consegue diminuir a incidência de câncer e do envelhecimento da pele. Então, quando feito um estudo é possível ver que as pessoas que utilizam filtros solares envelhecem em um ritmo menor e tem menos propensão de um câncer de pele comparado as pessoas que não utilizam esse produto.

3- Achar que make substitui proteção solar

Hoje também existem maquiagens com protetor solar, mas que podem não ter um fator de proteção adequado. Então, é preciso se certificar de passar um protetor antes de se maquiar. Assim que chegar em casa é importante sempre retirar a maquiagem e nunca dormir com ela para não desenvolver alergias, dermatite de contato e ressecamento da pele. Logo depois que realizar essa retirada, o Dr. Alberto recomenda fazer uma hidratação na pele.

4- Usar óleo facial sem indicação

Existem vários tipos de óleo no mercado que contém substâncias que inclusive fazem a nossa pele produzir menos sebo. Não é o óleo que vai deixar a pele mais ou menos oleosa, mas sim a substância que está dentro desse óleo. Simplificando: quem tem pele oleosa pode usar óleos faciais desde que tenha uma recomendação específica para isso, de um dermatologista que avalia a pele e indique o melhor para essa pele.

5- Não adaptar a rotina de cuidados com as estações do ano

Os cuidados mudam muito de acordo com as estações, pois essa transição afeta as características da pele. No inverno, por causa da baixa umidade relativa do ar, geralmente, a pele fica mais ressecada. Dessa forma, o uso de adstringente no inverno não é recomendado, pois pode ressecar a pele. Além disso, os banhos quentes na estação mais fria também deixam a pele seca. No inverno é necessário utilizar mais hidratantes e cremes mais densos. Já no verão, a pele tende a ficar mais oleosa e o cuidado é o contrário. Pode-se hidratar, mas é recomendado o uso de séruns leves. Outro ponto a ser levado em consideração é o ressecamento provocado pela piscina, pelo sol e mar ou, então, o aparecimento de alguns fungos na pele, o que é muito comum na praia.

6- Comer muito junk food

Alimentos de elevado índice glicêmico, por exemplo , aumentam a tendência da pele em ter acne. Esses mesmos alimentos aumentam a glicação da pele (ligação da molécula de glicose) fazendo com que aumente a oxidação e ela envelheça mais rapidamente.

A reação inflamatória ao glúten também pode levar a danos no intestino, um órgão que também influencia no aparecimento de acne. E se você tem a área abaixo dos olhos muito inchada, é indicado evitar comidas muito salgadas à noite e beber muita água para não reter líquido nessa área.

Abacate, espinafre, uvas e melão são alimentos ricos em antioxidantes que ajudam a manter a pele saudável. E capriche na vitamina C para retardar o evenlhecimento – folhas verdes escura, brócolis, couve, batata doce e laranja são alimentos que valem incluir no cardápio!

7- Ingerir muitas bebidas alcoólicas

Em excesso, as bebidas alcoólicas esgotam a água e antioxidantes da pele, além de aumentar o fluxo de sangue e dilatar veias sanguíneas – o que causa vermelhidão e inchaço.

Quando isso acontecer, lave o rosto com água gelada e capriche em produtos e ingredientes hidratantes para trazer a água de volta para as células. Beba muita água, invista em séruns ou hidratantes com ácido hialurônico para se hidratar por completo.

8- Fumar

O consumo de cigarro também aumenta o envelhecimento cutâneo, fazendo com que tenhamos uma diminuição das fibras de colágeno. Fumantes têm aproximadamente cinco vezes mais chances de desenvolver rugas do que não-fumantes. Produtos com gingseng, hortelã e alecrim são ótimos para dar um boost na circulação e melhorar a aparência da pele.

COMENTÁRIOS
Comentários  (0) Comentário(s)
Comentários
HŌRAIOS
FONES: 11 3842-2323 | 11 3842-2626 – WHATSAPP: 11 97181-1101 – RUA DIOGO JACOME, 468 – VILA NOVA CONCEIÇÃO – SÃO PAULO – SP – CEP.: 04512-001 Clique aqui para obter a rota Waze - ATENDIMENTO@HORAIOS.COM.BR

Site by Miss Lily
WhatsApp chat