fbpx
Posted on / by horaios / in Blog

Por que o cabelo fica verde com a água da piscina?

Com as temperaturas mais altas, nada melhor do que curtir uma piscina, certo? Agora tem algo mais desesperador que sair da água e perceber que o cabelo ficou esverdeado?

Engana-se quem pensa que os fios ficam esverdeados por conta do cloro usado no tratamento da água da piscina. Na verdade, o responsável é o cobre presente em alguns produtos. O íon deste metal se liga muito fácil à proteína da fibra do fio, o que dá o aspecto esverdeado. Um problema que pode ocorrer em cabelos de todas as cores, porém com mais frequência no loiro com química, que tende a ser mais poroso.

Para evitar que isso aconteça, o dermatologista e tricologista, Dr. Alberto Cordeiro (RQE 50383) recomenda não fazer química sobre química (alisamento + coloração) e os retoques de tintura devem ser realizados apenas na raiz. “Antes de entrar na piscina tome sempre uma chuveirada. Ela irá protege os fios dos raios solares e da água da piscina. Também é preciso hidratar bastante o cabelo e, fazer uso de um protetor solar específico, que vai impedir o contato do cobre diretamente com a estrutura do fio.”, orienta (CRM 125.757)

O que fazer?

Os matizadores (produtos com cores arroxeadas) são grandes amigos nessa hora. Além de remover os pigmentos esverdeados, esses produtos dão brilho e restauram os fios desidratados.

Outra opção para remover os pigmentos é o banho de brilho, uma etapa feita com tonalizante e máscara de hidratação, mistura que ajuda na remoção e ainda proporciona fios limpos e hidratados.

Agora caso precise de uma matização ou mesmo uma hidratação mais profunda procure um profissional. Somente ele é capaz de identificar o que o seu cabelo necessita, bem como quais são os produtos mais indicados para o seu caso.

“Com todos esses cuidados, o seu cabelo terá a cor perfeita e desejada, mesmo depois do banho de sol!”, diz Dr. Alberto (CRM 125.757)

Tags:
× Como podemos te ajudar?